Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Robinson no País dos Doutores e Engenheiros...

por Robinson Kanes, em 17.05.19

0.jpg

Créditos: linkedin

 

Ao ver a imagem acima, uma pérola do LinkedIn, acabo por perceber, até pelo enfâse dado aos conceitos, que o tema mais debatido num fórum de educação foi o "doutorismo e o engenheirismo".

 

Aliás, um dos desafios que os pais devem aferir na educação dos filhos é a preocupação real sobre quem é doutor e engenheiro. Que muitos professores universitários até sejam "doutores" pelo facto de possuírem um doutoramento, ainda posso aceitar, agora que o desgraçado do Inspector da Polícia Judiciária, que provavelmente até tem mais habilitações que todos os outros, não tenha título já dá que pensar - é inspector da "Judite" leva com o José e já é bom. Provavelmente, até foi o Inspector José que abdicou, ou então para os lados de Torres Vedras pensam que um inspector da Polícia Judiciária é um praça da GNR!

 

Mas vejamos, além do Doutor universitário (por momentos até pensei que fosse o Rui Santos), temos professoras do ensino básico e secundário que também ousam utilizar o título - é assim que os nossos filhos irão ser disruptivos, "sô dotora, como é que posso aprender mais sobre a tabela periódica?".

 

Entretanto, o senhor engenheiro também não abdica do título (nem do cabelo à Adamo) e arrasta consigo um coordenador de uma escola e uma psicóloga - se uma psicóloga é doutora, talvez até seja (inclusive o facto de estar por extenso pode justificar isso), mas as que me são próximas e até são oriundas da clínica, fogem a sete pés dessa forma de tratamento.

 

Mas não ficamos por aqui, temos uma terapeuta da fala que também é doutora e claro, a área social e solidária que não tivesse também a sua doutora! Sempre estranhei porque é que as pessoas que presidem e trabalham em associações solidárias e sociais nunca abdicam do título, título esse que muitas vezes nem existe na prática. Nesse campo, uma das coisas que mais aprecio, é o facto de que quando estão a "ajudar os coitadinhos", numa relação de proximidade, fazem questão de manter essa distância. Outra das coisas que aprecio é o facto de que as palavras que mais se repetem quando existem encontros e conferências "solidárias" são essas mesmo: "doutor" e "doutora". Afinal, não gostasse a maioria dos actores que deambulam pela área do social, de dizerem sempre que são do "social"...

 

Com tantos doutores e engenheiros, até acredito que muitos potenciais participantes não tenham estado presentes sob pena de não atingirem a estratosfera que o cartaz exige.

 

Não me posso ir embora sem dar conta de que, por momentos, também pensei que o lobby da família Aveiro estivesse metido nisto, nomeadamente a D. Dolores e a sua filha Katia, mas descobri que não, até porque uma não é professora e a outra não preside a associações solidárias. Menos mal..

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


39 comentários

Imagem de perfil

Cecília a 17.05.2019

eu gosto de cor. daí que não goste de pessoas assim tão cheias de letra. deixam-me com o espírito cinzento: de que se falou nestas conferências? o que pessoas tão agarradas a títulos ( ou organizadores tão precisos de títulos alheios) podem vir dizer aos pais sobre educação?

dei um nó no cérebro.

o inspector, provavelmente, foi dizer aquilo que qualquer pai ou adulto de bom senso deveria intuir... definitivamente foi o "Cristo" do dia: nem colegas de mesa nem plateia...

Imagem de perfil

Robinson Kanes a 17.05.2019

Confesso que não sei do que se falou, mas concordo consigo, com sorte o inspector foi o herói do dia.

Sabe que os títulos ainda vão dando para "enganar" tolos, e aqui falo do geral... Mas também admito, já foi mais.

Ultimamente, e também não estou a falar deste evento em particular, há muita "faladura" e muito "circo" mas pouca substância. Em alguns casos até se diz uma coisa mas depois na prática é exactamente o contrário... Alguns dos evangelistas do "out fo the box" ou do "tudo na boa" (apenas dois exemplos) são dos piores trastes que se podem encontrar...

Pronto, segue com menos dois seguidores! ahahahah
Imagem de perfil

Cecília a 17.05.2019

Credo ! vate retro! é outra coisa que me põe em ligação direta com o hell... o out of the box e o tudo na boa - o positive thinking... e o power e o reprogram your thinking e o diabo a four... (sim, os inglesismos são a terceira coisa que me põe a alma a arder até à incineração)...
Imagem de perfil

Robinson Kanes a 17.05.2019

ahahahah

em algumas indústrias resulta, convenhamos... Mas o problema é mesmo o que muitos fazem com os "inglesismos".
Imagem de perfil

Maria Araújo a 18.05.2019

Não segue nada com menos dois seguidores.
Sobre o dr antes do nome , por vezes, quando vou ao cemitério e salta-me à vista algumas lápides das campas por onde passo, comento para o meu decote isto: " até nas lápides há o dr, engenheiro, o profressor antes do nome? Bolas, aqui somos todos iguais, somos pó".
O cartaz está 5*. Gostei do cabelo à Adamo ( pesei que não conhecia este cantor)
Bom fim-de-semana.
Imagem de perfil

Robinson Kanes a 19.05.2019

Nas lápides também já vi alguns... Sabe que enquanto somos comidos pelos bichos é importante ter estatuto.

Bom Domingo...

P.S.: Adamo é um clássico - não que eu goste, mas permite-me boas risadas...
Imagem de perfil

Maria Araújo a 19.05.2019

Ouvi tantas vezes este cantor.
Ai, os cabelos daquele tempo!
Imagem de perfil

Robinson Kanes a 19.05.2019

Eram "fashion"... Parecia o Lorenzo de' Medici :-)))
Imagem de perfil

Robinson Kanes a 19.05.2019

Nem de propósito... Perdi um... Já no anterior sobre Marcelo, idem...

Tenho de começar a escrever aquilo que todos querem ler... Ou não :-)))
Imagem de perfil

Maria Araújo a 19.05.2019

Não!
Escreva o que gosta e quer, não o que os outros querem.
Olhe que aprendo e fico a par de alguns assuntos quando leio este e outros blogs.
Opinar? É para quem gosta.


Imagem de perfil

Robinson Kanes a 19.05.2019

Sim, não tenho intenção de mudar :-)

Comentar



Mais sobre mim

foto do autor





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D

Pesquisar

  Pesquisar no Blog





Mensagens

Copyrighted.com Registered & Protected 
CRD7-BFJD-IWHB-ZXDB