Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Porque Não Sou Apologista de Contra-Concursos!

por Robinson Kanes, em 16.11.17

showtime.jpg

 Fonte da Imagem: http://alpientertainment.com/en/service/showtime/

 

 

Este é o artigo que me pode custar todos os seguidores e todas as visualizações que vou tendo ao longo dos últimos tempos, todavia, e posto que já fui abordado com esta situação cumpre-me também dar a minha opinião, e não, como muitos sabem não me considero um "blogger". Ainda tenho muito que aprender e, muito honestamente, não é a minha área.

 

Espero também que este meu artigo, se for lido, seja entendido como algo construtivo, porque a ideia base deste "contra-concurso" foi muito interessante. Falo do concurso que para melhores "blogs" e que está a ser divulgado nesta plataforma.

 

1. Promover algo como forma de revolta a algo que aconteceu no dia anterior parece-me contraprudecente, esta é a minha opinião. Pode ser uma "brincadeira", mas a fazer que façamos as coisas bem. Maturar a ideia só trará bons resultados a longo prazo. Isto é uma espécie de resposta quente a um "email" que recebemos e não gostamos e que mais tarde tem consequências. Em suma, é o poder a cair na rua e sempre que assim é as coisas não correm bem.

 

2. Um concurso tem de ter regras, este que está a decorrer não as tem. Antes de falar tive de fazer uma pesquisa e vemos "bloggers" a nomearem três e quatro "blogs" para a mesma categoria e outros a não nomearem para todas. Mais exemplos existem, como nomear "blogs" que já estão encerrados. Tem de existir um fio condutor. 

 

3. Defendo que também, sendo um concurso, tem de decorrer em espaço neutro, aliás, até como mais-valia para o futuro, seria interessante ter um espaço próprio. Com espaço próprio quero dizer um "blog" próprio, além de dotar o mesmo dessa neutralidade, poderia e deveria ser gerido por "bloggers" que seriam sorteados à sorte e convidados a gerir o mesmo. À neutralidade seria possível dar um toque de imparcialidade também. Já diz o ditado que "à mulher de César não basta ser honesta, tem de parecer honesta" pelo que seria um bom começo e valorizaria e muito o papel da organização.

 

4. Penso também que seria de bom tom envolver a plataforma SAPO, e digo isto sem qualquer ligação à mesma, até porque quem me segue sabe que nem somos os melhores amigos. Daria até muito credibilidade à iniciativa.

 

5. Temos de ter em conta que o próprio SAPO dá primazia na divulgação de certos "blogs" e "bloggers" e que existem também bastidores activos e que não envolvem o SAPO. Como é que lidamos com esta situação? Não corremos o risco de cair num erro "Orwelliano" e substituir uma elite por outra? Será que estamos mesmo a chegar aos mais escondidos com esta iniciativa?

Como é que podemos conseguir que isso não aconteça? É uma discussão interessante para se ter. Aliás, não existindo um espaço neutro até a própria autora da iniciativa acaba por assumir um destaque face a muitos outros. Aqui vale o que vale, em meu entender, se teve a ideia merece disfrutar da mesma, mas nem sempre o público pensa assim.

 

6. Também não existe um sistema de votação único. Chocam várias formas de votação que levantam algumas questões: Ao colocar nos comentários os "blogs" nos quais vou votar não estou a influenciar outros votantes? Posso! Mas também o IP fica gravado e sabemos que o voto não é repetido, aliás, pode ser mas a origem é diferente e assim podemos reduzir a margem de erro.  Mas em privado a questões também se colocam: quem é que vota? Só "bloggers" ou também podem votar "não-bloggers"? E como é que garantimos que cada "email" por exemplo é único? Não é difícil a minha pessoa criar 100 enderenços e enviar nomeados.

 

7. Finalmente, e não me levem a mal, não vi tanto entusiasmo em criar e aderir a iniciativas de cidadania sobretudo face aos acontecimentos dos últimos meses. Um bom "blog" não deve ter impacte apenas na chamada "blogoesfera", um bom "blog" faz parte e toma parte no mundo real.

 

Nada disto invalida que a ideia não tenha sido óptima, bem pelo contrário - merece, aliás, os meus parabéns. E sim, é uma brincadeira e que todos se divirtam, vale mais alguma coisa do que nada. Eu nem me lembraria sequer...

Autoria e outros dados (tags, etc)


2 comentários

Imagem de perfil

De Marta Elle a 16.11.2017 às 20:30

Será que não vai funcionar por cunhas como tantas outras coisas em Portugal ?
Imagem de perfil

De Robinson Kanes a 16.11.2017 às 22:12

Por isso é sempre importante que não existam pontas soltas...

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Mensagens

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D

Pesquisar

  Pesquisar no Blog



subscrever feeds




Copyrighted.com Registered & Protected 
CRD7-BFJD-IWHB-ZXDB