Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




A Derrocada...

por Robinson Kanes, em 20.11.18

IMG_3902.JPGMonument aux Bourgeois de Calais: Andrieu D'Andres Monumental, Auguste Rodin - Musée Rodin

Imagem: Robinson Kanes

 

Era um homem quando vi Portugal inteiro a arder e os erros a somarem-se uns atrás dos outros. Vi o país a arder de norte a sul e a incompetência a grassar por todas as entidades, desde responsáveis pelos bombeiros, passando pela protecção civil até às figuras máximas da política nacional que não hesitaram um momento na altura de se colocarem como salvadores da pátria. Uma Ministra e um Secretário de Estado que se demitiram e um sem número de responsáveis ainda sem sentirem o peso da Justiça. Hoje, ainda muitos não percebem o que aconteceu aos seus familiares. Dizia-se nunca mais...

 

Desse ano fatídico, não passaram uns meses para que num Outubro, com os mesmos incompetentes a comandar, o fogo voltasse a matar um assustador número de portugueses abandonados às chamas no interior do país. Depois de Pedrogão, o fogo alastrou por todo o centro do país e ainda queimou uma das nossas jóias da coroa, o Pinhal de Leiria. Os do costume... Escaparam impunes e muitos deles andaram a plantar "pinheirinhos" para as cameras de televisão com o sorriso cínico de quem pensa mais no poder do que naqueles que os sustentam. Dizia-se nunca mais...

 

O ano passado, ardeu a Serra de Monchique num fogo que, estranhamente, durou dias e dias e foi um dos maiores de sempre na Europa! Os mesmos responsáveis, os mesmos erros, menos mediatismo (pois não morreu ninguém, como se isso fosse o suficiente para desculpabilizar este tipo de (in)acção). As mesmas fotos, os suspeitos do costume e dizia-se nunca mais... Não existiram salvadores da pátria, não houve mortos nem famílias desses mortos a chorar nos ombros sofrendo a humilhação de políticos inúteis.

 

Recuando no tempo, era um miúdo quando vi cair a ponte de Entre-os Rios e já era um adolescente quando li os versos que estão junto aquele austero anjo que nos corta a respiração, sobretudo quando temos presentes as imagens que deixaram de boca aberta toda uma geração. Um ministro - que não pode saber tudo - que se demitiu, culpados que, convenhamos, escaparam à justiça e um sem número de famílias que ainda hoje desconhece o paradeiro dos seus familiares. Dizia-se nunca mais...

 

Esta semana, não foi uma ponte que ruiu mas uma estrada e os do costume lá estão... O mesmo discurso, a mesma conversa, a mesma impunidade e, como disse e bem, embora a propósito de outro tema, a nossa Ministra da Cultura, "as polémicas hoje duram uma semana". Duram uma semana, amanhã ninguém se lembra. Temos os opinadores que só opinam e nada fazem, nada exigem e só procuram palco e pouca justiça.... E diz-se nunca mais...

Autoria e outros dados (tags, etc)


9 comentários

Imagem de perfil

De cheia a 20.11.2018 às 19:53

Uma sequência de tragédias, sem quaisquer consequências, como é normal, neste país!
Imagem de perfil

De Robinson Kanes a 20.11.2018 às 20:11

O anormal é cada vez mais anormal...
Imagem de perfil

De Robinson Kanes a 20.11.2018 às 20:11

Perdão, o anormal é cada vez mais normal...
Imagem de perfil

De O ultimo fecha a porta a 20.11.2018 às 23:17

é curioso falar-se do alentejo, de borba e de vila viçosa pela desgraça.
em vila viçosa tem um dos palácios mais belos e completos de portugal. não o conheço apenas de "cultura geral".
esta semana foi notícia por tragédia. afinal existe um país fora do burgo lisboeta e do portuense.
não há nem haverá culpados. lá vimos os ministros e o presidente marcelo. as televisões montam a tenda com enviados de lisboa, afinal não têm redações no alentejo, ou têm um jornalista para picar o ponto.
Imagem de perfil

De Robinson Kanes a 21.11.2018 às 09:11

E no final... Diz-se nunca mais :-)
Imagem de perfil

De Maria Araújo a 22.11.2018 às 23:45

Acho que o melhor será dizer " nunca digas nunca".
Imagem de perfil

De Robinson Kanes a 23.11.2018 às 08:03

O melhor será dizer: "exige-se cidadania, exige-se Justiça".
Imagem de perfil

De José da Xã a 27.11.2018 às 10:08

Bem verdade.
Por isso temo que o que Santana Lopes afirmou seja um dia possível. O povo revoltar-se e colocar estes políticos da treta a viver nas Berlengas.
Ou coisa pior.
Imagem de perfil

De Robinson Kanes a 27.11.2018 às 11:27

Para já ainda vão sendo embalados por subsídios, acesso a muitas mordomias que controlam esse comportamento... Todavia, numa sociedade com pouca participação cívica, quando deixamos de injectar dinheiro...

Comentar



Mais sobre mim

foto do autor



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Mensagens

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D

Pesquisar

  Pesquisar no Blog






Copyrighted.com Registered & Protected 
CRD7-BFJD-IWHB-ZXDB