Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




11dok695.jpg

 Fonte da Imagem: http://www.goethe.de/resources/files/jpg451/11dok695.jpg 

 

"Uma história complexa, comovente e verdadeiramente profissional que tem de ser dividida em capítulos". Montargil Telegraph

 

"Trata-se de um romance sobre o amor, o emprego e a sociedade actual, uma verdadeira viagem ao mundo moderno". New Oeiras Times

 

"A Entrevista de Emprego, Apoios e os Pretos de Angola é uma história digna de ser apresentada no Teatro Romano". in Pensamentos, Marco Aurélio

 

Já vos disse que detesto cunhas e, à semelhança do António Esteves (jornalista da RTP), desprezo quem as pede, quem as dá e quem promove os indivíduos que delas usufruem. Tal postura tem as suas consequências: quando estou bem não tenho propriamente muitos amigos e quando estou mal não os tenho mesmo. Além de que, se quero emprego tenho de o procurar e sujeitar-me às condições que existem no mercado. 

 

Ora... Para quem pensa assim é comum que tenha um historial de entrevistas bem vasto. Recordo-me da última entrevista a que fui e, quando pensamos que já vimos tudo...

 

Sou contactado durante uma tarde soalheira, o telemóvel toca (posso dizer telemóvel? Smartphone, talvez?), do outro lado uma senhora - vou-lhe dar o nome fictício de Cidalina - com uma tremenda voz de bagaço, pergunta-me:

 

-É o Robinson? ("Boa tarde, é o Robinson?", acho que teria ficado melhor).

 

Após ter confirmado quem era, a Cidalina diz que quer conversar comigo no dia seguinte porque gostou do meu currículo. Estaria tudo bem, até eu perguntar:

 

-E a entrevista é para? Está a ligar-me de? Para a posição de?

 

A atrapalhação da mesma foi evidente, mas acabei por ficar esclarecido que era uma dessas empresas de recrutamento com nome no mercado. Despedimo-nos com a promessa de que receberia um email entretanto.

 

Entretanto... Entretanto...

 

Deixei passar para o dia seguinte. Revi o anúncio e a candidatura, aferi quem era a senhora (uma assistente administrativa com o título pomposo de Project Manager - mais uma posição altamente especializada que se tornou banal). Aferi também que já era um anúncio com 3 meses. Às primeiras horas desse mesmo dia contactei novamente a senhora com voz de bagaço para verificar se estava tudo bem, afinal não recebi o email. Como não fui logo atendido, esperei um pouco, mas entretanto a chamada foi devolvida.

 

É interessante quando nos devolvem a chamada, nós atendemos... E a pessoa do outro lado fica muda e calada...

 

Aos meus comentários a resposta  foi, "mas não recebeu o email? Tem de ver bem, veja a sua caixa de spam". Insisti que não tinha recebido mas que estava tudo alinhado da minha parte. A partir daqui seguiu-se um silêncio... Um silêncio que começou a ser incómodo ao que perguntei se estava tudo bem - cidalina estava à procura do email. Procurei deixar claro que podiamos passar essa fase, mas Cidalina perguntou, com ar de superioridade, "então como é que vem cá ter?".

 

Respondi, com o trabalho de casa feito:

 

-Não é na morada “X” conforme está no vosso website? Também foi por isso que a contactei, para confirmar.

 

-Ah! Então sabe vir cá ter! - Foi a resposta da Cidalina.

 

Despedimo-nos amavelmente e ficámos de ter o nosso date para daí a duas horas.

 

Cerca de 20 minutos depois lá recebi o email da senhora e não vinha como forward, ou seja, com aquele aspecto de quando reencaminhamos um email.

 

Continua...

Autoria e outros dados (tags, etc)


44 comentários

Imagem de perfil

De fashion a 25.05.2017 às 09:16

É muito triste quando as pessoas não assumem os seus erros e ainda fazem sentir os outros mal. Adorei o texto. beijinhos
Imagem de perfil

De Robinson Kanes a 25.05.2017 às 09:18

Aqui ainda achei que o profissionalismo deixava muito a desejar…

But… The best is yet to come! :-)
Imagem de perfil

De fashion a 25.05.2017 às 13:33

uiii fico curiosa.
Imagem de perfil

De Rita PN a 25.05.2017 às 09:56

Aguardando ansiosamente o próximo capítulo, para aí sim, dizer o que me vai na alma...

Por enquanto, defino apenas como ridiculo...
Imagem de perfil

De Robinson Kanes a 25.05.2017 às 11:47

Eu diria que são abordagens… Se fosse o cliente final ficaria logo com péssima impressão e pensaria duas vezes antes de ir...
Imagem de perfil

De Sónia Pereira a 25.05.2017 às 11:44

Acho que a Cidalina não tinha apenas voz de bagaço, estava era mesmo «embagaçada».
Realmente as entrevistas de emprego são coisa para dar um filme. É, por vezes, a forma como o recrutadores tratam os entrevistados (como uma mercadoria que tem de ser verificada antes de ser transacionada), a forma como acham que, estando a pessoa à procura de emprego, está disposta a sujeitar-se ao que for, a forma algo condescendente/paternalista/displicente como tratam as pessoas.

Os títulos são realmente geniais. Conseguem transformar a função mais enfadonha numa coisa atrativa apenas mudando o nome da função para inglês e espetando um manager lá pelo meio. O homem do lixo passa a Waste Manager e não faltarão candidatos.

Aguardamos a continuação com suspense. Acho que a Cidalina ainda tem muito para dar a este filme. :)
Imagem de perfil

De Robinson Kanes a 25.05.2017 às 11:54

Eu avalio as organizações pela forma como recrutam… Como deixo de adquirir produtos ou serviços por esta ou por aquela prática, também o faço quando me deparo com práticas lamentáveis de recursos humanos.

Até aqui eu acreditava que era só uma falha… Mas é como dizes o melhor ainda está para vir… E… por incrível que pareça não precisei de colocar à prova a minha criatividade, a Cidalina foi um daqueles filmes a que nem o melhor argumentista seria capaz de chegar.

Hoje em dia procuram-se títulos, há organizações e pessoas (sobretudo pessoas) que levam mais a sério um título que o seu próprio trabalho… Sempre respondi que nunca ando à procura de títulos, até porque títulos não produzem nada…

E o "Garden Coordinator"? Ou então o "Head of Printing"? Embora hoje a maioria sejam "Contacts & Connects Specialists"…

Olha, sempre dá para nos rirmos um pouco, que é disso que gostamos… ahahhahaah
Sem imagem de perfil

De Luis costa a 25.05.2017 às 13:29

Vindo de si nao vem coisa boa.E Granada?
Imagem de perfil

De Robinson Kanes a 25.05.2017 às 14:47

ahahahah

Amanhã! Amanhã sem falta! Eu sei que prometi.
Imagem de perfil

De Francisco Freima a 25.05.2017 às 13:40

Ahaha, Montargil Telegraph e New Oeiras Times!

As Cidalinas são um atraso de vida, as frases delas tropeçam nos ouvidos e normalmente são difíceis de aturar ;)
Imagem de perfil

De Robinson Kanes a 25.05.2017 às 14:48

Não conheces? São jornais de grande tiragem!

Faz parte…

Imagem de perfil

De Cecília a 25.05.2017 às 14:03

a caixa de spam tem sempre as costas largas
Imagem de perfil

De Robinson Kanes a 25.05.2017 às 14:49

A caixa de "spam", a caixa de saída e por aí adiante...
Imagem de perfil

De Kalila a 25.05.2017 às 14:34

Uma dessas "Cidalinas" marcou-me uma vez uma entrevista para um sábado. Achei estranho mas lá fui, com a condescendência do costume. Ao chegar dei com a empresa fechada e um segurança muito simpático que já tinha mandado embora outras duas pessoas. Esta "Cidalina" não lidava bem com calendários.
Beijinhos, amigo.
Imagem de perfil

De Robinson Kanes a 25.05.2017 às 14:49

Aqui ainda só estamos nos "emails"… Ainda…

Essa Cidalina estava a gozar convosco deduzo… Nunca mais soubeste nada?
Imagem de perfil

De Kalila a 25.05.2017 às 15:07

Liguei na segunda, tinha sido engano e foi remarcada. Mas eu é que liguei, nem mail, nem chamada, nada. A entrevista foi do mesmo género, era um sub-gerente, dizia-se psicólogo e que cuidava dos Recursos Humanos mas nem sabia falar de jeito. O excelente trabalho da "Cidalina" ou de alguém fez com que o senhor me confundisse com outra pessoa, para a qual já seria a segunda entrevista, enfim...
Imagem de perfil

De Robinson Kanes a 25.05.2017 às 17:03

Quando nem um recrutamento em condições conseguimos fazer, nem quero pensar como é que funciona o resto da organização :-)

Espero que não tenhas conseguido esse trabalho :-)))
Imagem de perfil

De Kalila a 25.05.2017 às 17:30

ahahaha, não, felizmente!
Imagem de perfil

De HD a 25.05.2017 às 18:53

Essa senhora denota um profissionalismo claramente de extraviar caixas de correio... eletrónicas :D
Imagem de perfil

De Robinson Kanes a 26.05.2017 às 01:14

É como já disseram aqui, o "SPAM" tem as costas largas...
Imagem de perfil

De HD a 26.05.2017 às 18:33

É o SPAM expiatório ;)
Imagem de perfil

De Robinson Kanes a 26.05.2017 às 23:29

ahahahahahhaha muito bom!
Imagem de perfil

De Kikas a 25.05.2017 às 21:11

Caixas de Spam: a apanhar com mentiras de "Cidalinas" desde que entraram em voga
Imagem de perfil

De Robinson Kanes a 26.05.2017 às 01:15

Isso e o "perdeu-se na rede", também já ouvi...
Imagem de perfil

De Chic'Ana a 26.05.2017 às 09:36

Bom, parece-me ser claramente uma situação de falta de profissionalismo, mais que evidente!
Beijinhos
Imagem de perfil

De Robinson Kanes a 26.05.2017 às 10:24

E o melhor está para vir…
Beijinhos...

Comentar


Pág. 1/2



Mais sobre mim

foto do autor



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Mensagens

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D

Pesquisar

  Pesquisar no Blog






Copyrighted.com Registered & Protected 
CRD7-BFJD-IWHB-ZXDB